'A pele, os olhos, a boca, aquelas covinhas. E tanta vontade de te dizer 'Meu Deus, como você continua lindo, bebê'. Eu não sabia desde o início que a beleza podia ser um feitiço. Eu não sabia disso, eu era criança e deixei você ir.
Dá uma sensação tão estranha perceber que os anos passaram e que as coisas mudaram... A vida seguiu seu rumo, separando muitas mãos que um dia se uniam; 
Mas olhando a sua foto eu me vejo naquela noite, naqueles olhos, naquele sorriso tímido e na maneira como deixei tudo pra trás. Eu te vejo olhando pro chão e procurando um lugar pra colocar as mãos. Te vejo dizendo que me ama, numa época em que você sequer sabia o que era amor. 
Eu sei, faz tanto tempo.
E você continua lindo.

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

Não se pode confiar nos olhos quando a imaginação está fora de foco.

Cinderela Compulsiva Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados

  

Web Statistics