Eu não sei definir o que sinto. Não dói como ciúme, não irrita como inveja, não é tão despreocupado como apenas curiosidade... É uma sensação diferente de todas. Uma vontade de fazer parte sem ter que exclui-la pra isso. Um querer participar da sua vida, desse jeito, assim como tudo está, sem ter que embaralhá-la ou disputá-la. Apenas quero estar presente. Apenas quero você de alguma forma, quero saber um resumo da sua semana, alguns de seus planos, quero um pouco dos seus beijos, e só. Não quero os fins de semana nem os feriados em família. Não quero a barra de entrar pra valer na história. Quero uma fuga. Acho que é exatamente isso.

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

Não se pode confiar nos olhos quando a imaginação está fora de foco.

Cinderela Compulsiva Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados

  

Web Statistics