Hoje eu amanheci com saudade... Acho que não é exatamente de você. Porque você mudou muito e no fundo o que eu sinto mesmo é saudade de como tudo foi um dia.
De momentos que não irão se repetir. Do seu jeito de sorrir e de me olhar, da sua voz no meu ouvido. Deu saudade das tardes de chuva, das noites frias, das suas mãos geladas nas minhas... Do sorriso no meio do beijo, do jeito que apertava minha cintura, do arrepio no corpo, da sensação única. Saudade da rotina e de ganhar seu abraço diário.
Queria de novo aquele beijo que tirava o fôlego, aquele abraço que sufocava, como se nunca mais quisesse me soltar. Queria as conversas, as aventuras, as piadas, a companhia, o desejo. Que saudade dos meus dedos deslizando nos seus cabelos e você fechando os olhos no meu colo...
Saudade das suas mensagens de bom dia de boa tarde e de boa noite e do meu coração acelerado. Da sua respiração no meu pescoço. Saudade das suas broncas que sempre acabavam em amasso. Da fuga no meio da manhã pra te roubar um beijo.
Saudade dos momentos mágicos que passei com você.
Ah, meu nukekinho... Será que de vez em quando você também sente saudade, um pouquinho que seja, de tudo o que a gente viveu?

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

Não se pode confiar nos olhos quando a imaginação está fora de foco.

Cinderela Compulsiva Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados

  

Web Statistics