Falar de paixão me fez reviver tantos momentos bons... Tantas coisas marcantes, que reforçam ainda mais a minha fascinação por esse sentimento e a minha preferência por ele depois de experimentar o vazio.
Mas de todas as paixões que tive, em níveis diferentes e situações diferentes; a sua foi a mais intensa. Porque você foi intenso comigo também. Todas as vezes eu vivi sozinha todo aquele turbilhão de coisas, mas com você foi realmente mágico. Porque a gente se olhava diferente, se sentia diferente, e eu experimentei ver alguém se jogar por mim como eu sempre me jogo por quem eu me fascino. A gente se jogou junto.
E eu gosto de lembrar a maneira como o mundo sumia quando a gente se abraçava, como a gente corria na chuva sem se preocupar com nada. Como a gente sempre queria se ver, o tempo todo. E como a gente espalhava as roupas pela casa e topava com os móveis, e não conseguia parar de se beijar.
Gosto de lembrar como você me olhava enquanto eu cozinhava, e como sempre elogiava tudo que eu fazia. De como eu poderia passar horas escutando você me falar da sua vida, do seu dia, das suas piadas, de qualquer coisa. Eu poderia te escutar a vida toda. E gosto de lembrar como você me ouvia e a certeza que eu tinha que você também poderia passar dias seguidos me escutando. A gente sempre tinha sobre o que falar, e era sempre tão bom. Eu nunca via as horas passarem.
Tantas manhãs fugindo da aula pra roubar um beijo, tardes de chuva escondidos do mundo, noites rodando pela cidade... A sua respiração no meu pescoço, a sua mão na minha cintura, o seu olhar no meu olhar. Doce.
Tantas mensagens que nem a operadora suportava mais a gente se falar. Um minuto era muito, a gente precisava se comunicar.
Eu adorava tudo. Seu cabelo macio e sua blusa cheirosa. Seu biquinho de desaprovação e sua risada alta. Suas mãos macias e seus olhos redondos. Seu cabelo preto e sua pele branca. Seu beijo cheio de desejo e sua mão no meu cabelo. Seu jeitinho de menino e suas atitudes de homem. Seu cheiro, seu gosto, seu rosto.
Gosto de lembrar como te admirava e concordava com quase tudo que você dizia. De como gostava do seu jeito de pensar e de se expressar e dos seus objetivos de vida. 
Acho que me apaixonar por você foi uma das melhores sensações que já vivi até hoje. E estou em busca daquela sensação.

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

Não se pode confiar nos olhos quando a imaginação está fora de foco.

Cinderela Compulsiva Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados

  

Web Statistics